Nova Geração de Políticos

sanderson-e-marquinhos-3

Sanderson Hilgert é candidato a vereador de Campo Grande pelo PSD com o número 55050. Ele é casado há quase 17 anos, pai de dois filhos, cristão, obreiro e líder dos ministérios de casais e homens na sua igreja, Comunhão Cristã, pós-graduado em administração, professor de inglês e micro-empresário. Ele residiu em Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos por 10 anos onde estudou inglês, cursou ciências da computação e trabalhou como executivo em algumas grandes multinacionais americanas.

Sanderson vem para renovar. Com sua experiência profissional e vivência no exterior, ele sonha em transformar a nossa querida Campo Grande em uma cidade de primeiro mundo. Em entrevista dada a rádio Difusora Pantanal juntamente com o Senador Pedro Chaves, no dia 16 deste mês, o candidato falou sobre algumas de suas propostas sobre modernização e revitalização do centro da cidade, mobilidade urbana e educação.

Sanderson sabe que a nossa cidade morena precisa ser preparada para o futuro e o centro precisa ser revitalizado. Isso fará com que as pessoas sintam-se melhores e apreciem muito mais fazer compras no local, pois estarão em um lugar belo, agradável e aconchegante.

Quanto a mobilidade urbana, o mesmo explicou que precisamos de semáforos inteligentes para melhorar e fazer com que o transito flua mais rapidamente. Com ônibus equipados e com um sistema integrado aos mesmos, isso permitirá com que os semáforos dêem preferência aos ônibus do transporte coletivo, permitindo assim que eles cheguem no horário aos seus pontos de parada e evitando com que os usuários se atrasem para chegar ao trabalho, escola e até mesmo a outros compromissos.

No quesito Educação, Sanderson acredita que devemos priorizá-la já na primeira infância, ou seja, nas Ceinfs. Proporcionando um atendimento de qualidade e com atividades lúdicas para as crianças. Isso permitirá com que as mesmas cheguem ao primeiro ano já alfabetizadas. “Nossas crianças são inteligentes. Segundo Augusto Cury, uma criança de 7 anos hoje tem mais informações armazenadas que o imperador de Roma tinha na época de Jesus Cristo,” comenta o candidato. Para que isso seja possível, devemos investir e valorizar as professores e recreadoras, melhorar a infra-estrutura e ampliá-las.